Rapel
 

Setores do Rapel   |   O que é Rapel

O que é Rapel

O que é Rapel - Rapel (Rappel), É precisamente um conjunto de técnicas munida com equipamentos adequados que se utiliza corda para fazer a descensão e transpor obstáculos verticais independente do grau inclinação, tais como: paredes, declives, vão aéreos, cascatas etc. O Rapel se divide em quatros modalidades o Rapel Complementar, Rapel Tático, Rapel de Regaste e o Rapel Esportivo; Já o Rapel Esportivo possui duas sub modalidades de competição o Rapel Stopwatch e o Rapel Primp.

 

O Nome Rapel

O nome RAPPEL com duas letras “P” origina-se do francês, que em português significa: Trazer; reaver; uma ação para trazer de volta alguém ou alguma coisa. A palavra Rappel foi transliterada para português com apenas uma letra “P” ficando da seguinte forma: RAPEL. A denominação pode variar de acordo com o idioma, por exemplo, em alguns países denomina-se Abseiling que tem origem de (abseilen) do alemão.

 

Surgimento do Rapel

Os primeiros relatos das técnicas foram com os espeleólogos, que utilizavam a técnica do Rapel para terem acessos as cavernas que antes não tinha acesso, com a corda alcançavam os locais almejados, posteriormente a técnica passou a ser difundir com os alpinistas.

Aqui no Brasil o Rapel começou a sua prática como uma técnica para complementar outros esportes de montanhas, porem, começou a se difundir na década de 90.

 

Rapel Esportivo

Com aumento da quantidade de pessoas que praticavam exclusivamente o Rapel, a atividade se tornou um esporte deixando de ser apenas uma atividade, nos primeiros anos do século XXI o Rapel se consolidou como um esporte, anos depois se tornou um esporte de competição com diferentes modalidades e estilos.

O Rapel Esportivo está enfocado somente para descensão de Rapel e suas variações de manobras, com isso, ao longo dos anos foram desenvolvendo inúmeras novas técnicas e novas manobras, tornando o Rapel Esportivo a modalidade mais referta das demais modalidades de Rapel.
Perfil dos Praticantes de Rapel Esportivo - Há quatro tipos de praticantes de Rapel; Casualmente; Por esporte; Como profissão remunerada; Desportista profissional Competitivo.

 

Modalidades de competição do Rapel

No Rapel esportivo existe duas modalidades de competição o Rapel Primp e o Rapel Stopwatch, esta segunda modalidade se divide em duas categorias “Rapel Stopwatch Free” e o “Rapel Stopwatch Competitivo”.

Rapel Stopwatch: É uma modalidade de competição, criada por Brasileiros que basicamente seguindo um conjunto de regras, cronometra a ancoragem e descensão do Rapel, com objetivo de alcançar o menor tempo possível, que para aceitabilidade da manobra é necessária que seja toda realizada com segurança.

 

Categoria Rapel Stopwatch Free: Denomina-se “Free” (livre), porquanto do local de realização da manobra ser de livre escolha do praticante, isso até na mesma competição, ou seja, a manobra para uma única competição, pode ser realizada em diferentes locais, seguindo apenas um conjunto de regras da categoria Free. Devido essa característica o Rapel Stopwatch Free, possibilita uma competição não presencial onde o praticante apenas grava a sua manobras seguindo os critérios da competição.

 

Categoria Rapel Stopwatch Competitivo: Ao contrario da categoria “Free”, a categoria “Competitivo”, exige que o local de realização da manobra seja o mesmo para todos os atletas envolvidos na competição, O Rapel Stopwatch Competitivo, possibilita apenas competição presencial onde é necessário montar uma estrutura para competição em grupo.

 

Rapel Primp: Consiste em orna manobras ou criar manobras ornamentais, realizadas durante uma descensão de Rapel, Em uma manobra ornada avalia-se a perfeição e o grau de dificuldade para realização da mesma. O Rapel Primp é uma modalidade que exige maiores técnicas do Rapeleiro, devido a periculosidades das manobras, devida a isso, é uma modalidade praticada pela elite do esporte.

 


IDR - Instituto de Desenvolvimento do Rapel - Copyright © IDR
Desenvolvido por H12